quarta-feira, 25 de maio de 2011

Emenda do novo Código Florestal impõe primeira derrota de Dilma no Congresso


Depois de três semanas de intensas negociações, a Câmara dos Deputados aprovou ontem, o novo Código Florestal. O governo, porém, acabou derrotado na votação da emenda 164 do PMDB que, na prática, prevê anistia aos produtores que desmataram áreas de preservação permanentes até julho de 2008.




O polêmico relatório do deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), debatido durante 11 horas, segue agora para o Senado, onde deve ser apreciado nas próximas semanas. Na votação, o texto principal foi aprovado por 410 votos a favor e 63 contrários, além de uma abstenção. Na emenda, o governo perdeu por 273 votos contra 182 e duas abstenções, o que expõe a divisão da base aliada e representa a primeira derrota da presidente Dilma Rousseff no Congresso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

sua opinião.