quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Poço Branco: Vereadores da oposição falta a sessão e a LDO foi aprovada com 40% de crédito suplementar. Confira!



Na sessão de ontem terça-feira (09), a Câmara Municipal aprovou a tão polêmica Lei de Diretrizes Orçamentária - LDO, que servirá como base de orçamento para o exercício de 2015. A ausência da base da oposição fez com que o Projeto de Lei mesmo sem ter o parecer da "comissão de finanças" fosse ao plenário e sem discussão fosse aprovado por unanimidade pelos vereadores presentes.

Segundo Rodrigo Lucas do PROS, o que deixou em dúvida foi o voto da vereadora Suélia Catarino, que a dias atrás era forte oposicionista ao prefeito Mauricio Menezes. Veja trecho da divulgação do vereador;

"Foi ae que aconteceu o absurdo... simplesmente, na sessão de hj, faltaram eu, e os vereadores Edinho, Fernanda e Alexandre. Oportunidade maravilhosa para a bancada da situação rasgar o regimento e atropelar a tramitação do projeto, colocando em votação, algo que ainda tava em análise na comissão como ja disse. Soube por alto que foi destituída os membros permanentes desta comissão de finanças e nomeados aleatoriamente outros, derrubando assim minha emenda e aprovando a ldo no plenário.
Gente! Ate ae tudo bem! É de se esperar tudo da situação, a sua total subserviência ao executivo, afinal eles fazem tudo que o Prefeito pede, ate mesmo desrespeitar as regras do jogo para agradar a Maurício. Agora o que mais me impressionou foi a atitude da ver. Suelia. Logo Suelia. .... Sim gente! Ela tbm votou a favor das conveniências pessoais do prefeito. O que será que aconteceu que fez mudar tão rapidamente a opinião da minha amiga vereadora, que até ontem tinha repugnância pelo gestor atual?"
Comentário do Blog: Na verdade isso é repetitivo nas diversas matérias que chegam a Câmara, principalmente quando se fala em gasto públicos e com isso se torna necessário um análise minucioso. Na verdade, a AUSÊNCIA dos parlamentares nesse caso em questão, contribuíram no desfecho dessa aprovação. Sabendo-se que suaS contribuições "vereadores" além de outras é participarem das sessões da Câmara quatro vezes por mês, sem falar nos meses de recessos.
Não querendo diagnosticar, quem não lembra da pauta trancada solicitada pelos funcionários público com relação ao consignados?, ridiculamente foi aberta com a contribuição dos membros da oposição que nesse caso podem terem contribuídos com suas ausências principalmente na aprovação da LDO.
O que se ver, é que, a oposição está perdendo espaço tentando se firmar onde o alicerce começou errado. Analise a possibilidade de que os mesmos que contribuíram na abertura da pauta, possam ter se ausentado em favor do jogo politico de portas trancadas.
Muito bem meu camarada; Não são todos, mas quem esteve ausente, pode ter culpa no cartório. É só raciocinar...Não bote só a culpa na chuva, vai!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

sua opinião.