sábado, 5 de janeiro de 2013

Fátima Bezerra "desce a lenha" em Agripino e no DEM.



A deputada federal, Fátima Bezerra (PT), partiu para cima do senador José Agripino Maia e do partido do qual o potiguar é presidente nacional, o Democratas. 

A petista disse que o parlamentar e sua legenda eram adeptos dos métodos de tortura na época da ditadura militar brasileira.

Na noite desta quarta-feira (02), por meio de uma rede social, Fátima foi questionada por um eleitor sobre o presidente do DEM. "Será que Agripino sabe o que é um pau de arara?", dizia a pergunta. Na resposta, a petista disparou: "O pau de arara deles era o método de tortura na ditadura".

A referência feita a Agripino diz respeito ao fato do atual senador ter sido indicado prefeito biônico de Natal na época da ditadura, período em que o pai do parlamentar, Tarcísio Maia, assumiu o governo do RN.
 
O desabafo de Fátima Bezerra foi no mesmo momento em que a Rede Globo exibia o filma "Lula: o filho do Brasil", onde é exposta a história de vida do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. "O pau de arara deles era para torturar os que corajosamente enfrentaram a ditadura", completou Fátima em seguida.

Diante da repercussão das suas críticas na rede social, a deputada federal foi ainda mais adiante. Segundo Fátima, não apenas o pau de arara de Agripino e do DEM era a tortura utilizada para "os que enfrentaram a ditadura", como também o movimento militar que governou o país durante décadas foi "patrocinado pela Arena, que virou PDS, PFL e hoje DEM".
Do Jornal de Hoje

2 comentários:

  1. essa raiva de fatima bezerra e inverja porque nen ela nen lula conseguiram derrotar agripino.
    e ela nunca conseguiu ser prefeita de natal e nao passa de uma deputadazinha.

    ResponderExcluir
  2. caro amigo,concordo com vc!e porquer ela nao fala do mensalao do pt

    ResponderExcluir

sua opinião.