terça-feira, 11 de setembro de 2012

O Jovem está debatendo a política de Poço Branco nas redes sociais



A participação do público jovem na campanha política 2012, através da Internet, está muito ativa. Como publicou o blog do marketeiro do prefeito, Leonardo de Souza “Quem apostou que a campanha eleitoral de Poço Branco seria só na rua… Deve ter quebrado a cara em 2012. Esse ano a política ganhou a internet, não só nos blogs, mas as próprias redes sociais repercutem tudo do processo eleitoral”.
E falando em redes sociais, um assunto que causou polêmica recentemente, foi a possível exclusão do jovem Flávio Vinicius, do grupo criado no Facebook, o qual tem como finalidade a interação dos filhos ausentes e presentes de Poço Branco.
Flávio Vinicius cotidianamente publica assuntos e fotos explicitando e defendendo seu voto em prol do candidato Valdemar, isto desde o começo da campanha, e sofre sempre muitas agressões verbais dos eleitores da situação, humilhando-o, xingando-o, perante os demais participantes do grupo.
O fato é que Flávio, fazendo sua parte como cidadão e eleitor, mesmo que timidamente, e ainda tendo que lidar com as críticas agressivas dos eleitores da situação, instigou os eleitores de Valdemar, aqueles que tinham acesso a Internet, a participar das discussões e defenderem os ideais da nação amarela no grupo, assim como o mesmo fazia desde o começo, mesmo sofrendo a série de ataques.
Assim, num trabalho de multiplicação, incentivado pelo próprio candidato Valdemar, no dia do encontro com os jovens, a nação amarela passou a atuar mais ativamente nas redes sociais, e no grupo Poço Branco no Facebook, que é o mais popular da cidade.
Os eleitores da situação, entre eles o dono/administrador do grupo, sempre publicaram notícias e fotos defendendo seu partido, mas nunca aceitaram passivamente as publicações do jovem Flávio Vinicius, e enchiam os tópicos do mesmo de comentários desmedidos, usando expressões do tipo “Ui prá” e “Chama na poiva”, entre outras impróprias para essa mídia. Muitas publicações de Flávio também foram excluídas do grupo.
O engraçado é que as únicas pessoas que apoiaram a retirada de Flávio do grupo são do lado da situação. Os demais, seja do lado do candidato Valdemar ou João Paulo, ou até mesmo os indecisos, não se impuseram.
 O grupo de Poço Branco parece ter perdido o seu real sentido, ou talvez seu sentido sempre tenha sido esse, política, ou melhor, politicagem. Pois pouco é discutido sobre as propostas dos candidatos, Valdemar, por sinal, é o único que se pronuncia e se faz aberto para responder os questionamento dos eleitores, e apresentar suas propostas, através do seu perfil.
O referido candidato da nação amarela possui um perfil pessoal e uma página da própria campanha, embora interaja nas duas, é pelo seu perfil pessoal que ele mantém um contato mais ativo com o povo de Poço Branco. Valdemar, que já firmou o compromisso de implantar a Internet gratuita na cidade de Poço Branco, diz que um dos motivos que mais lhe instigou, foi a possibilidade de poder estar mais perto e integrado ao seu povo, conversando e ouvindo as necessidades destes agora também pelo Facebook.
Contou-me que do começo da campanha pra cá, mais de 200 pessoas já lhe adicionaram no Facebook, sendo a maioria de Poço Branco, totalizando hoje 375 amigos no perfil pessoal, 85 curtidas na Fanpage da campanha, e 258 seguidores no Twitter que interagem frequentemente com o candidato.
Também revelou, que sempre fica muito feliz quando abre todos os dias seu Facebook e vê tantas notificações, nas quais os eleitores curtem suas fotos, divulgam imagens que simbolizem o amarelo (cor de sua campanha), o número 25, e também o marca nas publicações. Mas o que mais lhe comove, é quando sobe a janelinha do chat no Facebook, e é alguém de Poço Branco perguntando quando é o próximo comício, afirmando que é dele que Poço Branco precisa, e mais ainda, por dizerem que votam no 25, por amor!




2 comentários:

  1. É isso mesmo ! Fui vítima da perseguição de várias pessoas. Nunca faltei com a verdade em minhas publicações e comentários. Fui excluído do grupo por mera perseguição, más acabei sendo reintegrado novamente graças a alguns amigos que fizeram um movimento que mostrou a força da verdadeira democracia. Que o que aconteceu comigo sirva de exemplo para todos. Não se cale ! Insista no que for verídico, pois a verdade sempre prevalecerá.

    ResponderExcluir
  2. ai ai, coitadinho do Flavio Vinicius! ¬¬

    ResponderExcluir

sua opinião.