sexta-feira, 29 de junho de 2012

O drible da Vaca...Quem será o próximo?

Prefeito Mauricio e o presidente da Câmara


Joãozinho Cruz

Primeiro Foi João Cruz! ex-prefeito por duas vezes.
Saiu fora antes da campanha por não concordar com a manobra que fizeram com ele. Pré-candidato também a prefeito, os dois erem candidatos do prefeito na época de Roberto Lucas. Mauricio Menezes,  num drible da Vaca escanteou o seu próprio colega desestabilizando sua pré-candidatura.

Vice-prefeita Nilse Cavalcante

Roberto Lucas
A maior tragédia foi com o próprio Roberto Lucas, que concordou em lançar a candidatura de Mauricio Menezes em 2008. 

Daí por diante apenas sobraram humilhações, revoltado por falta do reconhecimento, ainda permaneceu no grupo por mais de 3 anos. Veio a Resolução do TSE, orientando a todos que desejavam serem pré-candidatos, terem pelo menos 1 ano no mesmo partido (Lei da fidelidade Partidária), Roberto permaneceu no PMN e entregou a sigla do PSD a vice prefeita Nilse Cavalcante.

Novamente o drible da Vaca voltou a atuar, não conseguiu ficar com o PMN do presidente da Assembléia Legislativa Ricardo Motta, mas num passe de mágica botou a vaca pra funcionar. Segundo ele próprio disse ao vice-governador, Robinson Farias, presidente regional do PSD, que a presidenta de Poço Branco tinha comprado o partido ao ex-prefeito Roberto, quando na verdade Nilse tinha apenas comprado alguns lotes de casas na Portelinha. Tão logo o vice-governador entregou o comando do partido ao prefeito que naquele momento se encontrava sem partido.

Sem clima de permanecerem, Roberto e Nilse fecharam compromisso com aposição. Roberto, preencheu a vaga de vice ao lado de Waldemar para a eleição de 2012.  


Fernando Cândido

O último foi no ex-prefeito Fernando Cândido, assumiu compromisso oferecendo a vaga de vice-prefeito e deixou o próprio falando sozinho. Drible da Vaca quase perfeito, deixou tudo pra cima da hora, mas o tiro saiu pela culatra, Fernando abandonou o grupo, fechou com Waldemar e agora é 25.


QUEM SERÁ A PRÓXIMA VÍTIMA?  SERÁ QUE A VACA VAI PRO BREJO?    

   
Vereador Kleber Fideles sem o vermelho

Vendo a decepção de toda esta tragédia, basta olhar o semblante do vereador Kleber Fideles, que apostou tudo no acordo assumido pelo prefeito, em indicar sua prima Fernanda Freire filha de Fernando Cândido para compor a vaga de vice.

Saiu do PMDB, partido onde se elegeu, e ingressou no PSD do próprio Mauricio Menezes, sem nenhuma chance de retornar junto com o tio. A próxima vítima com certeza não será, pois também levou o drible da Vaca.

Sem a veste vermelha cor escolhida pela coligação, o vereador deverá da o troco, mandando a Vaca ir pro Brejo. Voto descasado deve ser a pedida do vereador.



Vereadora Suélia discursando na convenção

O mesmo deve acontecer com a vereadora Suélia Catarino, eleita pelo DEM. Ela e seu esposo Sergio Bocão ingressaram no PSD com o compromisso de indicar os cargos comissionas do seu Distrito, novamente o drible da Vaca voltou, nada de indicação, Sergio rompeu e a esposa teve que ficar.

Candidata sem o apoio do prefeito, ela deve mandar a Vaca voltar pro Brejo, pois conta apenas com o apoio do marido e de alguns amigos.

FOLHA DE SÃO PAULO - 28/06/2012
O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) voltou atrás e decidiu, por 4 votos a 3, que candidatos que tiveram as contas eleitorais reprovadas, os chamados "contas-sujas", poderão participar das eleições municipais deste ano.

Em março, os ministros haviam editado uma resolução, dizendo que tais candiatos seriam considerados inelegíveis. Em menos de seis meses, portanto, o tribunal modificou sua orientação.

terça-feira, 26 de junho de 2012

Crise continua na base politica da situação entre PR e PSD


Depois do racha entre o PSB do ex-prefeito Fernando Cândido com a base política do Prefeito Mauricio Menezes do PSD, agora é a vez dos candidatos a vereadores protestarem contra a candidatura da esposa do presidente da Câmara Percivaldo Junior.

Após ser escolhido pela cúpula da coligação "Grupo do Trabalho", para compor a chapa majoritária preenchendo a vaga de vice, agora lança sua companheira Cristina Galdino para concorrer uma das cadeiras da Câmara Municipal. Segundo comentários, vários concorrentes divergem sobre sua candidatura, devido já ocuparem a vaga na majoritária.

O PR local tem mostrado força na administração do atual prefeito como também na Câmara de vereadores. Com a saída do PSB do sistema, a vagância da secretária de Ação Social, que tinha como secretária Vera Freire Esposa do ex Fernando Cândido, deve ser indicada pelo presidente do partido. Como diz o novo ditado do próprio Grupo: Quem te ver quem te viu, Porém digo eu: Quem te viu, quem te ver, só vendo pra crer... 

      


Será o Benedito Santo Deus...

Não! É o coice que voltou a atacar...Rsrsrs 

Falta de compromisso leva PSB de Fernando Cândido para o "Grupo da União"

Fernanda se emocionou no seu discurso

Logo após a reunião de sexta feira (22), realizada na Fazenda do Prefeito na localidade do Poço do Antonio, o PSB do ex-prefeito Fernando Cândido deixou a base política da situação. A falta do compromisso do prefeito com Fernando, onde o acordo firmado a meses atrás era a indicação da vaga de vice  fez com que o rompimento acontecesse. 

Fernando e Roberto juntos em 2012


Mauricio, a meses atrás ofereceu a vaga de vice em troco do apoio do ex-prefeito, que disponibilizou o nome de Fernanda Freire, sua filha, para compor a chapa majoritária ao seu lado. Com a exigência do Partido da República local, comandada pelo presidente da Câmara Percivaldo Junior, em indicar o próprio nome a decepção tomou conta da família Cândido.


Waldemar do DEM 

Hoje, Waldemar conta com um grande número de ex-prefeito e ex-presidente da câmara da cidade de Poço Branco apoiando o seu projeto de desenvolvimento pra cidade:




"Sem dinheiro estamos formando o maior grupo político da história deste município". Disse Waldemar.




III URSAP comemora o são joão junto com os seus funcionários

Forró pé de Serra

Sexta feira passada (22) a 3ª Regional de Saúde comemorou o seu Arraiá junto com os seus funcionários. Além do forró pé de serra com muita pamonha e canjica, a quadrilha improvisada tomou conta festividade. Parabéns a toda equipe...  

Quadrilha improvisada 


Convidados e participantes do Evento



segunda-feira, 25 de junho de 2012

Micarla anuncia que não será candidata a reeleição em pronunciamento nesta noite


A prefeita Micarla de Sousa anunciou na noite desta segunda-feira (25), que não será candidata a reeleição. Ela disse que vai se dedicar a família e cuidar dos problemas de saúde. O anúncio foi feito em pronunciamento realizado no Hotel Pestana, numa Carta Aberta a Natal em que fez um balanço de sua administração.
Micarla iniciou seu pronunciamento agradecendo a Deus pela vida, e por tudo que fez para que ela estivesse aqui. “Tive, tenho e terei sempre orgulho, como natalense de ter tido a honra de administrar minha terra. Natal. Uma mulher sem sobrenomes tradicionais da política do estado. Em 30 anos, a única que conseguiu romper esta barreira vista como intransponível”, afirmou.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Vereador Edi Carlos do PRB pede coerência ao blogueiro Leonardo Souza

Logo após o encerramento da Seção da Câmara Municipal na última terça feira (19), onde a uma das pautas estava  incluída o pedido de urgência em relação as prestações de contas do ex-prefeito Roberto Lucas, o Blog de Leonardo Souza divulgou uma matéria destacando nomes de vereadores que não concordaram com o pedido.

Logo ápos a matéria divulgada, o vereador Edi Carlos "Edinho" solicitou ao nosso Blog um espaço para prestar esclarecimento perante a opinião pública.     

Do Blog Leonardo Souza
Porém, três vereadores não concordaram com a urgência sugerida, são eles: Edinho (PRB), Alexandre do Pastor (PMDB) e Socorro de Samambaia (PSD), que já se pronunciaram contra a sessão extraordinária.
Detalhe importante para o vereador Edinho: Ele que tanto brigou para as contas referentes aos outros anos da administração de Roberto, que haviam sido aprovadas pelo TCE, serem apreciadas na Câmara. (Quem não lembra, aqui nesse mesmo blog?). Agora, Edinho não considera a mesma urgência, para as contas que foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas. Dois pesos e duas medidas?


Edi Carlos


"Prezado Leonardo,


Não se trata de "dois pesos e duas medidas". Quando cobrei a apreciação das pastas de Roberto em 2008, o fiz por que estava demorando demais a apreciação por parte dos Nobre colegas Parlamentares- por possível estratégia política, à época. É tanto, que votaram tais pastas, às pressas, e  antes da minha chegada na Câmara- apesar deu ter deixado claro em ata do meu voto favorável,naquela ocasião.
A minha discordância, na terça -feira passada, quanto a questão da "urgência", é porque vi atitudes meramente política na atitude de alguns vereadores. Eu explico: o termo"urgência"  proposto no requerimento não é para satisfazer a solicitação do TCE(este é o pano de "fundo", a desculpa). Na realidade , a "urgência" dos vereadores da situação é dar um voto político, reprovando as pastas do Sr. Roberto Lucas e impedindo que este registre a sua candidatura a vice-prefeito, como  forma de enfraquecer a chapa da oposição.Vocês acham que eles teriam esta pressa toda se Roberto Lucas, fizesse ainda parte da situação? nesse exemplo dado,como vocês acham que votariam  alguns vereadores da situação?
OBS: urgência deve-se usar em caso de fenômenos naturais(catastrofes, acidentes) ou algo que venha a causar dano iminente(baseado no princípio do perigo da demora e "fumaça do bom  direito").Nesse caso específico, a "urgência" não pode sobrepor aos princípios e garantias Constitucionais da "ampla defesa" e do "devido processo legal", dos quais  todo cidadão faz jus- inclusive  é assim que esstá sendo feito  e de forma muito profissional pela Comissão de finanças", tendo em vista que esta notificou Roberto Lucas e a este foi dado um prazo de 20 dias para este se defender , e, após isso, no prazo de 10 dias, a relatora(Vereadora Socorro) fazer suas convicções e conclusões, enviando, em seguida, tal relatório para  aprecição e decisão do plenário( para aí sim, o plenário reprovar ou aprovar as contas). Este é o devido processo legal e ampla defesa- garantias fundamentais, previstas na nossa Carta Maior - a Constituição Federal, que deve ser cumprido e respeitado.
Resumo: esta "urgênccia" visa apenas atropelar os prazos legais( do devido processo legal) com fim único  e político, de impedir o registro da candidatura do Sr. Roberto Lucas.
Peço-lhe, Leonardo, certa prudência em algumas colocações usando meu nome,sem antes melhor averiguar e me consultar, ao tempo em que reitero minha admiração por você."


Um abraço,
EDINHO.

Fernanda Cândido ou o presidente da Câmara? Quem será o vice que vai compor a chapa da situação?


Depois de várias tentativas de angariação por parte da situação em busca de um vice-prefeito na base politica da oposição comandada pelo jovem Waldemar de Góis, a situação agora procura se definir entre a sua própria base.

Segundo os bastidores da política, a disputa está entre o nome da ex-secretária a Ação Social Fernanda, filha do ex-prefeito Fernando Cândido e o presidente da Câmara Percivaldo Junior.

Fernando na campanha passada para prefeito esteve ao lado de Waldemar onde indicou a vice Vera Cândido para compor  chapa da oposição. O ex-prefeito deixou o "Grupo da União" com o compromisso de indicar a sua filha para compor a chapa majoritária da base da situação sustentada pelo atual prefeito Mauricio Menezes.

Não se sabe se Fernando vai manter sua decisão tomada a vários dias, de quer se não indicar o vice deixaria as fileiras do grupo da situação. 

Já o Ex-prefeito José Sebastião Sobrinho "Deco", bastante conhecido no interior de Poço Branco, mas sem base política dentro do próprio grupo, se distância cada vez mais da vaga de vice, podendo concorrer nova-mente a uma cadeira na Câmara Municipal.

É como se diz! Quem te viu e quem te ver, é só esperá pra crer...

    

  

Câmara Municipal de Poço Branco pede urgência na votação das prestações de contas do ex-prefeito Roberto Lucas


Terça feira (20) a Câmara Municipal solicitou através de requerimento ao plenário, urgência na votação das prestações de contas do Ex-prefeito Roberto Lucas, relativo aos exercícios de 2004 e 2005.

O processo se encontra na Comissão de redação e Justiça com a relatora, vereadora, Socorro de Samambaia, que tem prazo determinado pelo regimento interno a contar do seu recebimento.

Conforme a Lei Orgânica do município, na seção VI no seu Artigo 41 e 42, o prazo entre a disposição pública e a apreciação a serem julgadas é de 90 dias a contar da data da entrada na secretaria da Câmara.

Devido o requerimento formulado pelos vereadores Junior Miranda, Kleber Fideles e Vicentinho Cruz, o ex-prefeito Roberto Lucas, deve entrar com um mandado de segurança no Ministério Público de Poço Branco, já que prestações de contas não cabe caráter de urgência. Se realmente existir o pedido do mandato, o MP deve julgar pela nulidade da seção que foi marcada para hoje (sexta 22) em seção extraordinária.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

TCE divulga amanhã lista de gestores com contas rejeitadas pelo órgão


A Lei da Ficha Limpa ampliou a aplicação da condição de inelegibilidade para aqueles que almejam cargos públicos. E, por isso, aumentou também a importância da lista que o Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) vai divulgar amanhã, com o nome dos gestores e ordenadores de despesas que tiveram suas prestações de contas de gastos públicos rejeitadas pelo órgão. Todos os nomes serão enviados para o Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN), que decidirá aqueles que ficarão realmente inelegíveis.
Isso, porque apesar da Ficha Limpa incluir também aqueles que tiveram as contas rejeitadas, os casos deverão ser analisados individualmente para que simples “erros” não sejam confundidos com desvios ou mal uso de dinheiro público. É necessário, por exemplo, que seja constatada a intencionalidade. O gestor pego no TCE tem que ter agido com má fé, por exemplo, para dificultar sua situação e não conseguir nem reverter à condenação judicialmente.
Isso, porque apesar de não ser um órgão do Judiciário, o TCE também pode levar a uma condenação colegiada, que é a que torna alguém inelegível segundo a Ficha Limpa. E depois dessa condenação e constatada uma eventual condição de inelegibilidade pelo TRE, é necessário recorrer a Justiça para tentar reverter a situação por meio de liminar.
Por sinal, foi essa a condição imposta ao ex-prefeito Carlos Eduardo Alves, que não foi condenado pelo TCE,mas sim pela Câmara Municipal de Natal e, agora, vai ter que tentar reverter a situação para conseguir oficializar sua candidatura.
Segundo o Tribunal de Contas do Estado, a lista deve ter mais de mil nomes e não vai contemplar somente prefeitos. Presidentes de Câmaras Municipais e, até, secretários públicos, devem estar presentes. Isso é válido, inclusive, para uma eventual aprovação da Lei da Ficha Limpa Potiguar, que está no Governo do Estado e quer ampliar para os órgãos públicos estaduais as mesmas exigências para aqueles que ocupam cargos comissionados. A versão natalense dessa mesma lei já foi aprovada pela Câmara Municipal de Natal.
A listagem do TCE começa a ser divulgada a partir das 10h30 desta terça-feira, na sessão plenária do órgão. Depois, ela será votada e, se aprovada, o que deve acontecer, enviada para o TRE. A listagem, vale ressaltar, não deve estar completa. Um “complemento”, com as condenações de junho, será analisado e enviado posteriormente.
Nesta semana, por sinal, além da divulgação da lista do TCE, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deve analisar a representação impetrada por 18 partidos políticos com a finalidade de suspender a resolução do próprio órgão, que proíbe candidaturas dos políticos com contas rejeitadas nos pleitos anteriores.

Concedido pedido de tutela antecipada em favor do ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo


O juiz da 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal, Geraldo Mota, deferiu nesta segunda-feira (11) o pedido de tutela antecipada em favor do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), para suspender os efeitos do Decreto Legislativo nº 1078/2012, expedido pela Câmara Municipal do Natal, que rejeitou as contas anuais relativas ao exercício de 2008, quando era chefe do Executivo.

O magistrado determinou a notificação do presidente da Câmara Municipal do Natal (CMN), para imediato cumprimento da decisão, sob pena de aplicação de medidas previstas no art. 461, § 5º, do CPC. O presidente da CMN tem 10 dias para cumprir a determinação.

Carlos Eduardo Alves alegou, em suma, que o legislativo municipal exorbitou as atribuições que lhe são conferidas, além de haver negado o direito de defesa - especialmente porque não o notificaram a respeito do parecer da Comissão de Finanças e Fiscalização - além do fato de a matéria em apreço não ter sido objeto de debate na Corte de Contas do Estado (TCE).

Ao examinar a matéria objeto de análise no âmbito do TCE, o juiz entendeu que a CMN ultrapassou os limites prerrogativos de julgador. "Entendo que a Câmara pode não concordar com o exame feito pelo TCE, reprovando o que foi objeto de aprovação e vice-versa, mas não pode dispensar o parecer prévio e específico a respeito do que está decidido porque, assim agindo, viola o devido processo legal", assinalou o magistrado. 
Processo n.º 0803315-51.2012.8.20.0001

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Sobrevivente de acidente aéreo em 1972 nos Andes dará palestra pela primeira vez em Natal




O uruguaio Nando Parrado, autor do livro “Milagre nos Andes”, é o palestrante do Seminário Internacional de Liderança, que será realizado no Teatro Riachuelo, em Natal, no dia 18 de julho deste ano. O conferencista, mundialmente reconhecido e admirado por sua história, é um dos sobreviventes do acidente aéreo de 1972, nos Andes. Essa experiência deixou marcas inesquecíveis e fez com que ele levasse os ensinamentos para o mundo corporativo e se tornasse um profissional de sucesso.

Pela primeira vez no Nordeste, Nando falará sobre a saga dele e de seus 15 companheiros do time de rugby que sobreviveram por terríveis 72 dias, depois que seu avião se espatifou nos cumes gelados da Cordilheira dos Andes, motivando uma das mais envolventes histórias do século. Seus temas são liderança e motivação, que não faltaram para buscar a saída para um momento de extrema adversidade como o que aconteceu com ele e sua equipe no Chile.

Em 2010, foi considerado o melhor palestrante do mundo pelo World Business Fórum. E também já recebeu os três maiores reconhecimentos de um conferencista internacional: principal orador, em 2007; principal conferencista, em 2009; e capa da revista Speaker, a mais influente do setor – edição de junho de 2009.

A expectativa do evento, organizado pela K&M Group, é de atrair um público estimado em 1.500 participantes, entre empresários, executivos, gestores, bem como estudantes e demais profissionais interessados em reciclar conhecimentos e implantar conceitos de sucesso em suas carreiras. Inscrições, bem como mais informações, pelo site www.seminarioskemgroup.com.br.

Por André Salustino

quinta-feira, 7 de junho de 2012

PRB local do ex-prefeito Joãozinho Cruz abre convenções no município de Poço Branco

Próximo domingo (10) as 15:00horas o PRB de Poço Branco presidido pelo ex-prefeito João Ferreira da Cruz, fará sua convenção na Escola Estadual José Francisco filho. No evento serão escolhidos os candidatos a vereadores   como também deverão oficializar a coligação com o "Grupo da União"  liderado pelo pré-candidato de Valdemar de Góis e o ex-prefeito Roberto Lucas.

O PRB é o primeiro partido a dá o primeiro ponta-pé inicial, abrindo assim uma série de convenções no nosso município.  

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Poço Branco se prepara para o 2º Forum Comunitário do Selo UNICEF

Foto do 1º Fórum Comunitário Selo UNICEF

No dia 15 de junho de 2012 Poço Branco vai receber o 2º Fórum Comunitário Selo Unicef. O convite se estende a todas as classes sociais no sentido de promover um encontro de cada um, para promover um todo, as autoridades local e comunidade estarão em busca do valioso selo Unicef em benefícios das nossas crianças e adolescentes.  Com o apoio da prefeitura municipal ao evento, a cidade deve ganhar força para conquistar e realizar com certeza este  grande sonho que se tornará realidade em 2012.


terça-feira, 5 de junho de 2012

PSB pode rever aliança com PDT e lançar Wilma para prefeitura de Natal


Nem mesmo completou duas semanas do anúncio – para ser exato foram 13 dias – a aliança do PSB com o PDT poderá ser desfeita e os socialistas poderão relançar a pré-candidatura da ex-governadora Wilma de Faria a prefeita de Natal nas eleições deste ano. A tese é defendida por setores do PSB, que não aceitam desfazer a aliança na proporcional, conforme propõe agora o presidente estadual do PDT, ex-prefeito Carlos Eduardo Alves. Por conta dessa aliança, o PC do B já declarou seu rompimento com o pedetista (ver matéria abaixo).
Uma wilmista dizia esta manhã, na condição de sigilo da fonte, que o diretório do PSB em Natal deve exigir do PDT a manutenção do compromisso de aliança na proporcional. Caso o PDT não aceite, o PSB deve “mudar” de posição e relançar a candidatura de Wilma de Faria a prefeita de Natal. “A ex-governadora Wilma de Faria fez um sacrifício: deixar de ser candidata contra o desejo do partido e da população. Acho que se o PDT insistir nessa posição o PSB deve mudar sua decisão. Volta a candidatura de Wilma”, defendeu o socialista.
A presidente estadual do PSB, Wilma de Faria, está viajando e o presidente estadual do PDT, Carlos Eduardo Alves, coincidentemente também estaria fora do Estado e ambos não foram localizados pela reportagem para comentar o assunto. A presidente do diretório do PSB em Natal, deputada estadual Márcia Maia, também não foi encontrada pela reportagem de O Jornal de Hoje.

O tema é indigesto porque mostra uma quebra de compromisso recíproco numa aliança que sequer completou duas semanas de existência. No último dia 23 de maio, o PSB anunciou a desistência de Wilma de concorrer à Prefeitura e proclamou a aliança do partido com o PDT para a eleição majoritária e proporcional, com os socialistas indicando o companheiro de chapa do ex-prefeito.
Ainda naquela quarta-feira 23 de maio, à tarde, dois dos cinco vereadores do PSB na Câmara Municipal de Natal, porém, destoaram da linha partidária e votaram pela reprovação das contas do ex-prefeito. Pelas linhas do acordo PSB/PDT, o correto teria sido os vereadores do PSB votarem pela aprovação das contas do ex-gestor. Caso tivessem seguido a orientação do partido e acompanhassem os votos de Júlia Arruda, Júlio Protásio e Franklin Capistrano, os vereadores Adenúbio Melo e Bispo Francisco de Assis teriam evitado a reprovação por 16 votos a seis de Carlos Eduardo, que por conta disso se tornou “ficha suja” e corre o sério risco de não poder se candidatar nas eleições deste ano.
VOTAÇÃO
Logo após a votação, surgiram cobranças de retaliação de setores ligados a Carlos Eduardo e da parte do próprio pré-candidato no sentido de que o PSB expulsasse Adenúbio e Bispo Francisco de Assis do partido, fazendo com que eles perdessem o mandato e, sem partido, ficassem inelegíveis. Integrantes do PSB ligados ao ex-prefeito, como o vereador Júlio Protásio, chegaram a pedir publicamente a expulsão dos colegas de bancada. O assunto, porém, já estava adormecendo quando nesta semana o ex-prefeito voltou a pressionar o PSB por medidas duras contra os vereadores que o teriam traído.

Em entrevista ao Diário de Natal, nesta segunda-feira, confrontando o acordo com o PSB, Carlos declarou que não há nada definido em relação à composição proporcional. E mais: confirmou que o compromisso com o PSB foi revisto, após a reprovação das suas contas referentes ao exercício financeiro de 2008 na Câmara. “Havia o compromisso da aliança proporcional antes do julgamento das minhas contas na Câmara. Mas, houve dissidências no PSB. Dois vereadores votaram contra. Então, não há definição em relação a isso. Vamos ainda analisar as possibilidades. A definição se dará na próxima semana”, declarou o ex-prefeito, numa clara pressão e exigindo do PSB uma solução contra os vereadores Adenúbio Melo e Bispo Francisco de Assis.

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Uma boa chance pra segunda feira, a cachoeira vai secar


Fátima acertou Mineiro é o novo para natal. PT oficializa candidatura de Fernando Mineiro

Fernando Lucena, Fátima Bezerra, Mineiro pré-candidato a prefeito de Natal, Araújo e Eraldo Paiva presidente do PT/Estadual

O Partido dos Trabalhadores de Natal realizou seu Encontro Municipal na tarde deste sábado (2) e oficializou a candidatura a prefeito do deputado Fernando Mineiro, bem como definiu a nominata dos candidatos petistas a vereador.

A militância da legenda lotou o auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do RN (Sinte-RN) e respondeu com entusiasmo ao ouvir Mineiro, confiante, declarar que “vamos à luta e vamos ao segundo turno”.

“Temos um grande espaço pela frente. Estou muito decidido a enfrentar esse caminho e convicto de que é possível, sim, vencer essa luta e chegarmos ao segundo turno”, discursou Mineiro.

O petista reafirmou que sua candidatura vai fazer o “debate propositivo sobre Natal”, afirmou que o desafio é colocar a cidade “no contexto do processo de transformação que vive o Brasil” e, em tom emocionado, disse que é preciso “reacender a chama do PT no peito e na alma dos petistas e de Natal”.