quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Ricardo Motta comunica a Robinson Faria permanência no PMN

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta, comunicou ontem (4) a desistência de filiação ao PSD (Partido Social Democrático) e a permanência nos quadros do PMN (Partido da Mobilização Nacional). A informação foi prestada ao vice-governador Robinson Faria, líder do novo PSD, em conversa na manhã desta segunda-feira.

Ricardo Motta era uma das filiações mais aguardadas na nova legenda comandada pelo vice-governador. Além do presidente da AL, outros três deputados estaduais estão desistindo de migrar para o PSD: Raimundo Fernandes, Gustavo Carvalho e Vivaldo Costa.

Ricardo Motta e Raimundo Fernandes continuarão no PMN. Vivaldo Costa e Gustavo Carvalho ainda não decidiram o rumo partidário.A desistência de Ricardo Motta esvazia o processo de criação do PSD no Rio Grande do Norte e enfraquece a posição política do vice-governador na base do Governo Rosalba Ciarlini.

Ainda não é certa a possibilidade de o presidente da AL, Ricardo Motta, assumir o comando do PMN estadual, cargo hoje ocupado pelo deputado estadual, Antônio Jácome. 

A comunicação da permanência de Motta no PMN foi feita na presença de Robinson Faria e do deputado federal Fábio Faria.

Dos cinco deputados que haviam confirmado filiação ao PSD, apenas Gesane Marinho e José Dias acompanharão Robinson Faria na nova legenda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

sua opinião.