domingo, 5 de junho de 2011

Coluna do Meio


A falta de compromisso da oposição causou desconforto, e o rompimento do ex-vereador Severino dos Ramos, com o grupo de Valdemar de Góis.

Analisando os últimos acontecimentos na política em nossa cidade, tenho visto erros tanto de um lado com do outro. A falta de habilidade dos nossos concorrentes da majoritária para a eleição em 2012 vem sendo desordenadamente criticadas pelos correligionários de ambas as partes. Na situação vimos há alguns meses atrás o desconforto causado entre o Prefeito Mauricio Menezes e a vice-prefeita Nilce Cavalcanti, quando Nydyane sua filha, secretária, foi demitida da Secretaria de Ação Social. Agora o rompimento do ex-vereador Severino dos Ramos. Segundo o próprio, em conversa com o líder da oposição Valdemar de Góis, ontem pela parte da tarde, não chegaram mais a um acordo. Olhando pro mesmo lado! A falta de opção de candidatos a prefeito no nosso município, já que temos por enquanto apenas dois concorrentes, vem causando praticamente um conforto em ambas as partes, melhor dizendo! Quem não fica na oposição a tendência é migrar a situação, em vice e versa. É como se estivéssemos rodeados de tocaias ou num beco sem saída. Por outro lado, os que não condizem com esse jogo de empurra, empurra, vêm se articulando com os partidos de esquerda, visando outra opção que seria uma terceira força para participar do pleito de 2012, com chapa própria para majoritária. Isso, tão logo, causaria desconforto a quem se sente com o privilégio, mesmo porque, correria o risco de perder o domínio, escapando de ambas as mãos. Já para os eleitores, se vir a acontecer, teria a chance de optar entre vários candidatos. Acredito que um dia isso possa acontecer...                

Nenhum comentário:

Postar um comentário

sua opinião.