terça-feira, 16 de novembro de 2010

Vamos desempacotar os livros...




Quatro mil livros aguardam por biblioteca em Poço Branco - RN

Hoje me encontrei com o professor José Cassimiro, coincidência ou não, nos encontramos na residência de dona Esmerina mãe de Raminho, em conversa comentamos alguns assuntos com relação ao municipio, entre eles o da biblioteca de poço Branco. Algumas semanas atrás li a matéria pela tribuna do Norte, onde a polêmica era a reforma do prédio a ser instalada a futura biblioteca municipal. Em um dos trechos da matéria diz assim,  "A Prefeitura Municipal de Poço Branco continua , com 4 mil livros, computadores e estrutura completa doada pelo Governo Federal. A obra era motivo de polêmica já que o material, orçado em R$ 53 mil e que faz parte do programa Livro Aberto, chegou à cidade em março de 2009 e desde então se encontrava encaixotado em uma sala da Secretária de Educação, sem qualquer utilidade". Mais adiante, " Independente dos motivos da demora, a pedido do Ministério Público a Prefeitura deu início  à reforma do atual prédio onde funciona, de forma precária, uma biblioteca com apenas 300 exemplares. A expectativa do prefeito é que os trabalhos (que incluem melhorias no piso, cobertura e paredes) se encerrem em 45 dias e a nova biblioteca passe a funcionar logo depois, com todo o equipamento doado".

Bastante é recorrer ao Ministério Público... e logo as coisas começam a funcionar.
Em um município como nosso, onde os repasse constitucional do Governo Federal chegaram a pouco mais de 18 milhões de Reais em relação à vinte dois meses, não deveria chegar a tal ponto, mesmo porque nenhuma obra realizadas até esse período foram com recursos próprios, nada justifica chegar ao ponto de culpar a administração passada pela reforma de um prédio que ao meu ver deve chegar aproximadamente ao máximo de 20 Vinte Mil Reais. É! talvez eu esteja enganado, quem sabe, a prefeitura pode está com dificuldade a campanha passada ainda está muito recente, será que houve muita despesas, quem sabe é a ex-gestão, Bem! eu credito que não...     


         Veja Detalhes
Professor José Casimiro Felipe
O professor José Cassimiro, um dos responsáveis pela obtenção dos livros e equipamentos, já vinha lutando inclusive junto ao Ministério Público para que a Prefeitura cumprisse a contrapartida do programa, oferecendo um espaço para a montagem da biblioteca. Já o prefeito do Município, Maurício Menezes, afirmou que a demora na instalação da estrutura se deveu à falta de recursos, por conta de problemas financeiros herdados da gestão anterior.
fonte: Tribuna do Norte




Um comentário:

  1. Pelo que sei, da gestão anterior ele herdou um mandato, dado de mãos dadas. Isso sim ele herdou! Haja vista que ele não tinha voto nem pra começar a campanha eleitoral. Cospe no prato que comeu. Roberto conseguiu a biblioteca, com a ajuda de Cassimiro e ao prefeito so restou a implantação e nem isso ele faz.

    ResponderExcluir

sua opinião.