sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Espaço do silencioso...

Meus queridos leitores, sugiro que vocês, passe a acompanhar as seções da Câmara Municipal nas terças feiras, pelo menos pra saber como as coisas andam por lá. Se encontrarem apenas o silêncio, não é de se admirar, pois quando estamos em silêncio estamos meditando algo, é provável que a clareza dos fatos nos leve a meditar, fazendo uma afirmação a nós mesmo, " bem! nosso município está bem, estou presente na seção da Câmara e sinto uma paz infinita, que silêncio, devo está sonhando ou, me preparando para cochilar..., em certo momento desperto, a seção está encerrada e pergunto ao Vereador que passa ao lado, e aí! houve alguma novidade, não ele respondeu, então boa noite, na próxima terça estarei aqui pois preciso desse espaço silencioso".
Digitando esse texto, lembrei-me da minha amiga, Íris de Goes e do amigo Severino dos Ramos. Em seus momentos de glórias quando vereadores, tinha a mania de convidar seus fiéis eleitores para acompanhar as seções, cobrava naquela casa, mais saúde, merenda escolar, prestações de conta e algo mais, para os que estão lá, era o mínimo que deveriam fazer.
Mas não se preocupe, já já o silêncio vai acabar, Eu aposto...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

sua opinião.